Feeds:
Posts
Comentários

Archive for maio \31\UTC 2009

Então, estou sumido desde meu primeiro e único post na terça, minhas sinceras desculpas, fiquei doente e com preguiça, mas aqui esta um post novinho em folha, apreciem porque eu demorei bastante pesquisando par ele.

canivetlarge
Desde pequeno eu sou aficcionado por aparelhos eletrônicos, a maneira como funcionam e como facilitam até as tarefas mais simples e vem desde esse tempo minha mania de imaginar com seria minha casa com todos meus gadgets favoritos, se pudess compra-los…

Sala:
Qual o primeiro aparelho que você pensa ao lembrar da sala? A TV claro, a Samsung UN46B8000 atualmente esta no topo em minha preferencia, ela é uma LCD de 46′ com blacklight de LED, pouco mais de 2,5cm de espessura e uma incrivel taxa de atualização de 240hz

HP TouchSmart

Para interagir com essa TV nada melhor do que o melhor media center ja feito, o HP Touchsmart,

ele conta com uma tela de 22′ sensivel ao toque, 500gb de HD para você guardar qualquer filme que queira sem se preocupar muito com o espaço, cinco portas USB e leitor
de cartão de memoria 5 em 1 para um rapido plug-and-play das fotos de sua última viagem, além de um sintonizador de TV em alta definição.

Apesar de tudo o que o Touchsmart oferece ele não é perfeito, falta a ele um leitor Blue-ray, para essa tarefa eu escolhi o HDi Dune, ele reproduz quase todo tipo de arquivo que você puder imaginar (de DivX a XviD) e o melhor, ele vem com um client torrent embutido.

Depois de passar por toda a area de video vamos ao som. Meu escolhido é sistema de som 6.1 da Onei Solution, ele é um suporte para TV e um Home Theater, resumindo, lindo.

LPAs menções honrosas ficam para o teclado Asus Eee HTPC, para você controlar o HP Touchsmart a distancia. Para os saudosistas, como eu, o Radio Teac LP-R500, que reproduz e converte em CD, LPs e K7s

Bom, por hoje é só, vocês podem dar sugestões de gadgets nos comentarios, dependendo da qualidade eu atualizo o topico com elas, Terça eu volto com a categoria Cozinha & Banheiro.

Read Full Post »

Em primeiro lugar eu vos trago um comunicado: Melow aparentemente levou um tiro nas bolas e acordou doente, o que significa que ele não escreveu porra nenhuma pra hoje. Como hoje ia ser meu dia de “Esquecer que eu tenho um Blog” não tinha me programado pra escrever nada também, mas tem problema não, a vida segue e os posts não podem parar…

Mimimis à parte, eu estava assistindo televisão à uns dez minutos atrás quando eu percebi uma coisa, e resolvi que seria extremamente importante dividir isto com o resto da humanidade: O Activia é um produto do Demo, uma merda, uma bosta escrota, ou seja lá que outros adjetivos pejorativos barra pesada você tenha por aí pra classificar esse pote de leite estragado desenvolvido exclusivamente pra fazer você cagar.

activia1Ó ele aí.

A primeira coisa que dá raiva nessa porra, e essa não é nem a principal, é o fato dos caras venderem o Activia como se fosse uma revolução indispensável e espetecular na vida do ser humano, tipo “GENTE!! Acabamos de descobrir que tem um jeito de fazer o LEITE PODRE fazer tu cagar pelas orelhas!”, foda não é a idéia, foda é alguém achar isso espetacular… Tá legal, não tem gosto de iogurte estragado, mas isso é o de menos…

Em segundo lugar , e esse sim é o problema mais foda, são as famigeradas proagandas do Activia:

activia2Tô cagaaaaano….

Porra véi, eu passo praticamente 90% da minha vida fingindo que mulher não caga, e que o mundo é maravilhoso. Aí eu sou obrigado a todos os dias, eu disse TODOS OS MALDITOS DIAS, ver na televisão que mulher caga, e não caga pouco não véi, caga pá caraio! E quer cagar mais ainda, só que não consegue, por isso fica de mau-humor, e pra resolver o mau-humor e consequentemente cagar mais, ela precisa de Activia!

Ah! Vá pa puta que pariu Nestlé!

Aí por causa disso, todas as vezes que eu olho pra minha namorada meu cérebro faz questão de me lembrar que ela caga, porque mulheres cagam, e é assim que a vida é… Porra! Cadê a magia? Cadê o ramance? Cadê a fantasia de que mulher não tem sistema digestivo? Tudo por água abaixo, por causa de um potinho de iogurte e uma campanha publicitária que fica inundando as telas das nossas televisões de merda (com o perdão do trocadinho…).

Sem contar, é claro, com o último efeito do fator Activia . Agora é moda mulher cagar, na verdade é a melhor coisa do mundo, pô, sério, hoje mesmo eu vi, pelo menos, umas três propagandas DIFERENTES de produtos pra mulé cagar… Isso sem contar as reprises né? Porquê se não vamo multiplicar por uns cinco aí… Amigos publicitários, na moral mesmo, todo mundo caga, isso não é problema só das mulheres, mas não é por isso que agora eu vou sair gritando pela rua que eu to triste poruqe não consegui mandar um  barroso hoje. E o melhor é que agora as mulheres não tem mais pudores, é apocalípse! Ao invés de falar das libidinágens da vizinha, ou do reumatismo da dona Creuza do 706, as mulheres gostam de dizer que estão “Com o intestino travado” ou que “O iogurte soltou tudo!”, na real mesmo? Broxagem master.

Por essas e outras que eu acho o Activia uma das maiores merdas que o homem já inventou desde a Roller Disco.

ericSério que alguém achou que isso ia ser uma boa idéia?

Né não?

Read Full Post »

O texto a seguir não é inédito. Na verdade é um texto meu da época do Ôdeefe e que eu considero legal. Um dos projetos do Eidagarai! é salvar os poucos  ebons posts do Ôdeefe, em parte porque me lembram das minhas raizes blogueiras (caralho, raizes BLOGUEIRAS, eu definitivamente estou virando bicha…) e em parte porque são posts legais e que seria uma pena abandoná-los num lugar onde ninguém nunca mais os verá.

De quebra essa resenha vai inalgurar o quadro de resenhas do blog, você não devem esperar muitas resenhas positivas vindas de mim, eu realmente só sinto muita vontade de escrever sobre alguma coisa, quando a tal coisa me proporciona uma experiência tão abismal que minhas mãos praticamente digitam sozinhas as ofensas ao objeto em questão (sem maldade…). E a primeira resenha vê direto de 16/05/08 mais de um ano atrás, caraaaalho faz muito tempo, e trata de um dos films que mais me deram raiva de pagar para assistir, senhoras e senhores, com vocês: Speed Racer!

(algumas correções foram feitas no texto por motivos de uma melhor leitura, o texto é meu eu faço o que quizer com ele…)

— Speed Racer — 16 de maio de 2008

Bom, eu estava me preparando para escrever a resenha de Pulse (que é o filme mais abismal da minha vida… Ainda vou faze-la) quando me chamaram pra ir ao cinema assistir Speed Racer. Por algum motivo, no momento em que saí de casa imaginei-me fazendo uma resenha à respeito do dito filme.

Não deu outra, cá estou eu.

A pergunta que pode estar passando por vossas cabeças provavelmente é: Por que? O que fez este filme merecer uma resenha expressa dessas? A resposta é simples, eu venho por meio desta manifestar-me contra os irmãos Waitxololovisk (ou seja lá como se chamem) pela SACANAGEM que eles aprontaram. Falando sério, eu fui ao cinema achando que iria assistir à uma adaptação de um desenho, bem tosco diga-se de passagem (morram fãs chatos e incondicionais de animes!), e acabei vendo um clipe de Pink floyd tocando Lucy in the sky with diamonds dirigido pelo Jimmy Hendrix. A parada foi realmente sinistraça! Pra dizer a verdade, quando o filme terminou esperei ver algo como “Dirigido por Quentin Tarantino” nos créditos. Não que eu tenha alguma coisa contra o Quentin, eu até sou fã do cara, mas o filme era trash demais pra ter sido dirigido por alguma outra pessoa.

O enredo do filme é bem bobinho e por isso não merece muito destaque no filme. Na real mesmo, nem os próprios diretores se importaram muito com ele. É aquela velha história, Speed quer só correr, por que isto está no sangue dele, PORÉM o mundo tem homens maus que querem impedi-lo, mas nada disso é problema de verdade já que nosso herói, o magnânimo Speed racer, acaba correndo anyways. Na verdade Speedy ganha todas as corridas que disputa, exceto uma lá pro meio, pra mostrar que nosso herói não é tão invencível assim (mas mesmo assim foi um roubo! Você merecia vencer Speedy!!). O resto vocês já devem imaginar, ele dá um beijo na namoradinha, todo mundo amando o Speedy, eles ficam famosos no mundo, o corredor X é irmão do Speedy mesmo, essas paradas.

O que chamou atenção na película foi o excesso de efeitos especiais e cores. Até mesmo em coisas que vocês não imaginam que precisam de efeitos especiais. A impressão que o filme passa é que TUDO (inclusive o figurino) foi renderizado num computador. Para se ter uma idéia a casa do sujeito tem uma parede de cada cor e (claro!) foi gerada por meio de computação gráfica. Agora pensem vocês, se os efeitos foram utilizados até mesmo para economizar CENÁRIO, imaginem as cenas de ação. Meus caros amigos, se algum de vocês sofre de epilepsia, labirintite ou qualquer patologia deste tipo NÃO assistam Speed racer de JEITO NENHUM! Eu quase vomitei ou sofri um aneurisma diversas vezes no filme. Cada vez que um carro fazia uma curva, nossos amigos os irmãos Waialgumacoisa, faziam questão de lembrar-me que eles participaram da criação do filme. Assim que os carros entravam na tangente a tela girava, brilhava, piscava, entrava em vórtice e sacudia-se, até mesmo FLASH BACKS e rostos flutuantes eram inseridos aleatoriamente. O resultado disso tudo, como eu já citei anteriormente, foram dezenas de seqüelas cerebrais, como sinapses destruídas e perda da memória visual de curto prazo. Imaginem como foi dirigir de volta para casa neste dia. Meu cérebro, mesmo que inconscientemente, custava à aceitar que coisas fúteis como a gravidade e as leis da física ainda existiam. Eu tinha a sensação que meu carro iria sair voando em direção aos céus à cada curva que eu fazia. Eu imagino os diretores dançando e cagando sobre os túmulos de Einstein e Isaac Newton enquanto redigiam o storyboard das cenas de ação, a física não foi somente ignorada, ela foi literalmente FODERADA.

Esta imagem lembrou-me uma das curvas feitas por Speed.


Eu tenho a impressão que Hollywood desviou 97% do orçamento anunciado para a execução de 10.000a.C. para Speed Racer. Eu nunca tinha visto um filme com tantos efeitos visuais (percebam, isto não está sendo posto como uma coisa boa, na verdade isso se revelou uma grandessíssima bosta) como este. Eu poderia citar uma cena em particular do filme, que ilustra perfeitamente esse exagero de cores e rodopios que não visavam nada mais que dar-nos náuseas e dores de cabeça fortíssimas. Na reta final de uma das corridas, Speed resolve ultrapassar seus adversários por cima de uma série de coisas brilhantes que (obviamente) brilhavam nas laterais da pista, as coisas começam a explodir em lampejos de cores fumegantes seguidas de uma explosão, vinda de um grupinho de carros que entrou em autocombustão espontânea. O resultado disso foi uma tela fumegante cercada de luzes com o Mach 5/6/7/seilá no meio, a tal imagem então entra em rodopio, criando um vórtice avermelhado que acaba transformando-se em uma faixa quadriculada. Difícil de imaginar? Imaginem de assistir.

Não posso tirar alguns certos méritos do filme. De fato algumas cenas foram realmente hilárias (espero que propositalmente) e como foram as únicas coisas legais que eu vi em Speed Racer não irei contá-los. Na verdade se eu contar o fim do filme vocês não iriam nem notar.De fato eu já fiz isso, cerca de três parágrafos acima.

No geral o filme só vai agradar os fãs incondicionais e Xiitas do desenho animado. Se você for assistir Speed Racer com alguma expectativa, irá se decepcionar. No caso de você estar querendo ver a adaptação de um desenho clássico, no caso de você querer apreciar um bom filme ou até mesmo no caso de querer uma boa desculpa para comer pipoca, em todas as possibilidades Speed Racer é uma decepção retumbante.

E é isso. Já consigo ver, daqui a uns dois anos “Matrix 4, The regreat of Neo” tentando recuperar algum do antigo prestígio dos diretores, mas agora é tarde. O filme já saiu em cartaz e todos já viram a bela merda que ele é. Agora vão para os caralhos que os partam, irmãos Wathever, vocês e seus malditos efeitos especiais.

Read Full Post »

Cacete, acabo de sacar daqui de longe, o Eidagarai! nasceu no dia INTERNACIONAL DO ORGULHO NERD, puta que o pariu, vai tomar no meu cu! É muita emoção pra um blog só!

Sério, isso só pode ser um bom sinal, véio.

Tipo, todo mundo deve saber qual é o significado da dita data comemorativa acima, foi o dia do lançamento oficial nos EUA de Star Wars IV (ou I, foda-se…), que muitos dizem ser o maior marco da história do mundo nerd, pra mim que se foda isso, mais importante é que agora temos uma data bonitinha para comemorar e se orgulhar nossas trocas de uma saída por um PC a madrugada inteira (de vez em quando, ok? Nerd também vive…) ou sentir o prazer de chamar todo mundo que assistiu Wolverine de imbecis escrotos, porque nenhum deles sabe que o filme simplesmente estuprou em praça pública a vida do Logan. E ainda ganharmos um Fantástico tentando encher a bola dos nerds num domingo à noite. Poesia pura.

Certo, então o blog nasceu, e como o WTH?  já falou no post inalgural, o lugar não é só “mais um cantinho nerdico na internet, feito pra falar de nerdices”, é mais do que isso! (ooooh!!). A bem da verdade o Eidagarai! nasceu pra que, tanto eu quanto o Melow possamos falar de Qualquer porra que estejamos afim, qualquer MESMO. Só que, convenhamos, nerds que somos, invariavelmente acabariamos falando de muita nerdice (caralho, quantas vezes eu já falei a palavra nerd ou um derivado por aqui?) então é melhor escrachar logo pra não ver neguinho reclamando que “Mimimi fala dos Jonas Brothers…”, vão se foder, e se for pra falar é pra falar mau, porque aqui quem manda somos nós (ok, tá muito homossexual isso aqui…).

Vou deixar avisado também uma coisa que eu já havia citado nos meus tempos de Ôdeefe: Este lugar está reservado para a opinião daquele que está escrevendo a merda do texto, se você discorda, se ofendeu, se sentiu afetado, bom, supere ou se mate, opinião é que nem cu, e meu cu é meu e ninguém tasca.

E por último vou colocar aqui algumas das metas (que provavelemte  serão esquecidas), que vão servir só de guia mesmo para o desenvolvimento dessa budega:

a) ter pelo menos UM post por dia;

b)ter pelo menos uma resenha (de gadgets/séries/filmes/música) à cada 15 dias

c) ler/responder todos os (que se Deus quiser vão aparecer) comentários/e-mails enviados.

É só. Falou

Read Full Post »

Como a maioria deve saber o Snes (Super Nintendo Entertainment System) foi lançado em 1990, no Japão, seus graficos 16bits eram revolucionarios para a epoca. Ganhei meu snes em 96 e desde então nunca deixei de jogar. Agora, apresento-lhes, 10 motivos para VOCÊ jogar.
1. Mais de 800 jogos a disposição:
É tanto jogo que é me pergunto se um dia conseguirei jogar todos, acima um link torrent com 763 Rooms
2.É barato:
Atualmente você pode achar consoles em perfeito estado por 50R$, cartuchos variam na faixa de 5R$ a 50R$, mesmo assim se você não quiser gastar 1 centavo sequer pode baixar o emulador na internet.
3.Jogos classicos:
Chrono Trigger, Street Fighter, Top Gear, Mario Kart… são só alguns exemplos de jogos classicos que você tem que jogar
4. Jogos mais desafiadores ever:
Serio, quebrei um controle tentando bater o recorde nos 100m no Olympic Summer Games, ôh jogo maligno >.<
5.Portabilidade:
Com toda a tecnoligia hoje existente jogar snes em qualquer lugar é muito facil, seja no celular, PSP, DS você pode jogar em casa, no trabalho, no onibus, [corta]na rua, na chuva, na fazenda ou numa casinha de sape[corta]
6. É muito bom da um perfect em killer instict no seu amiguinho:
…E depois jogar ele do predio em cima de um carro passando na rua
7.Jogar on-line é extremamente simples:
Com o zSnes, emulador de snes, basta estar conectado a um amiguinho, via hamashi por exemplo, escolher o jogo e pronto.
8. Aproxima os amigos.
Tem coisa melhor do que juntar os amigos numa tarde para um campeonato de Futebol Brasileiro 96, street fighter ou killer instinct? Se iver um churrasco então…
9. Jogos em portugues lançados oficialmente
diferente dos video games de nova geração o snes tem varios jogos lnçados em Português (pt-br) Oficialmente, um exemplo é um de meus jogos favoritos o Futebol Brasileiro 96
10. Porque é um Snes porra.
Ponto.

SNESComo a maioria deve saber o Snes (Super Nintendo Entertainment System) foi lançado em 1990, no Japão, seus graficos 16bits eram revolucionarios para a época. Ganhei meu snes em 96 e desde então nunca deixei de jogar. Agora, apresento-lhes, 10 motivos para VOCÊ jogar.

1. Mais de 800 jogos a disposição:
É tanto jogo que eu me pergunto se um dia conseguirei jogar todos. Aqui um link torrent com 763 Rooms

2.É barato:
Atualmente você pode achar consoles em perfeito estado por 50R$, cartuchos variam na faixa de 5R$ a 50R$, mesmo assim se você não quiser gastar 1 centavo sequer pode baixar o emulador na internet.

3.Jogos classiChronocos:
Chrono Trigger, Street Fighter, Top Gear, Mario Kart… são só alguns exemplos de jogos classicos que você tem que jogar

4. Jogos mais desafiadores ever:
Sério, quebrei um controle tentando bater o recorde nos 100m no Olympic Summer Games, ô jogo maligno >.<

5.Jogar on-line é extremamente simples:
Com o zSnes (Vide obs. abaixo.), emulador de snes, basta estar conectado a um amiguinho, via Hamachi por exemplo, escolher o jogo e pronto.

6. É muito bom dar um perfect em Killer Instict no seu amiguinho:
…E depois jogar ele do predio em cima de um carro passando na rua. (valido também para Mortal Kombat e Street Fighter)

7.Portabilidade:Iphonesnes
Com toda a tecnologia hoje existente jogar snes em qualquer lugar é muito facil, seja no celular, PSP, DS você pode jogar em casa, no trabalho, no onibus, na rua, na chuva, na fazenda ou numa casinha de sapê.

8. Aproxima os amigos:
Tem coisa melhor do que juntar os amigos numa tarde para um campeonato de Futebol Brasileiro 96, street fighter ou killer instinct? Se tiver um churrasco então…

9. Jogos em Português lançados oficialmente:
Diferente dos video games de nova geração o snes tem varios jogos lançados em Português (pt-br) oficialmente, um exemplo é um de meus jogos favoritos o Futebol Brasileiro 96

10. Porque é um Snes porra.
Ponto.

OBS.: 1.A versão 1.51 do Snes (a que foi linkada aqui) não suporta netplay devido a alguns bugs, a versão 2.0 deve corrijir isso. Para jogar on-line use a versão 1.42n

Read Full Post »

Isso aí!

O Eidagarai está oficialmente inalgurado! Em breve teremos por aqui posts bem mais interessantes do que este… Feitos por alguém que não serei eu, que à propósito sou a entidade chefe desta bagaça, então, respeito.

Dito isso, e deixando um pouco minha falta de paciência com vocês um pouco de lado, vou fazer uma rápida apresentação do lugar, aproveitem a bondade, ela tem limite (curto, por sinal).

Por enquanto o Blog ainda está simples, a medida é que vá se tornando mais completo (mas sempre de navegação simples, nada de Acidez Mental por aqui…). As duas únicas páginas ativas do blog por enquanto são: Os Perfis e a página Principal. Mais fácil que isso só foder deitado.

Meu Twitter vai ser atualizado de vez em quando, quase sempre tendo relação direta com alguma coisa do Blog. O do Melow e do Motta são deles e eles que façam o que quiserem com aquelas porras.

Dito isto eu espero que vocês gostem do lugar tanto quanto nós estamos gostando de fazê-lo.

Té mais.

Read Full Post »